Serra e O Medo de Bater 4

Fui votar sem ilusões, como o nerd aceitando provocações no pátio, sabendo certa a surra e  que não ha meios de se furtar da briga.

Serra perderá mesmo e não digo ” bem feito ” por compaixão por mim, que sofrerei o momento Dilma enquanto membros do PSDB viajarão para o exterior sem ter de ajustar contas com suas incompetências políticas, suas  covardias travestidas de bom senso e equilíbrio. Nós outros teremos que dizer entre dentes as verdades que,  ditas,  eliminariam a candidatura oficial logo no primeiro turno.

Até o último debate, esperei que Serra berrasse  sua superioridade moral e intelectual, esfregasse nas câmeras de TV as atas do Foro de São Paulo, lembrasse aos brasileiros que embora tivesse quebrado a promessa aos paulistanos de permanecer no cargo de prefeito –  Dilma diz “paulistas “, desconhece que a cidade de São Paulo é berço de paulistanos, sendo paulistas os demais filhos do ESTADO de São Paulo (serei honesto, eu temi que ela dissesse “São Paulinos “) – e de governador aos paulistas,  estes não se sentiram traídos,  pois os paulistanos o elegeram governador e os paulistas Presidente, etc, etc, etc, mas ele se limitou a ironizar a “assessoria” de Dilma, ou seja  lembrar ao Brasil que a provável futura Presidente é nada sem batalhões de assessores,  argumento que somente Serra e jornalistas que o orientaram (preciso dizer que mal?) julgam mortífero em debates.

É torcer para passar logo e afiar as armas para as tantas outras batalhas.

Esse post foi publicado em Uncategorized e marcado , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s